6 tendências de decoração de outono e inverno

Fazer mudanças e se adaptar a novos conceitos é sinônimo de renovar as energias, por isso, essas atitudes são essenciais para começar um novo momento do ano. Você já está por dentro das tendências de decoração do outono/inverno?

Se não, chegou a hora de ficar atenta ao que vem por aí para trazer novos elementos para sua casa! É momento de repaginar a decoração e transformar essas tendências em conceitos inovadores e charmosos para os seus ambientes. Confira, a seguir, dicas do que estará em alta na próxima temporada!

1. Madeiras escuras são tendências de decoração para o outono e inverno

A nova estação promete deixar de lado os tons pálidos e claros. A madeira escura voltou com tudo para deixar os ambientes ainda mais aconchegantes –  e essa tendência vale, principalmente, para interiores, como quartos e salas.

Quando combinadas a objetos de tons terrosos e texturas arrojadas, as madeiras escuras prometem ainda mais evidência e requinte. O charme é promover um ambiente neutro, mas com conceito quente.

2. Elementos naturais e culturais

A natureza ganha ainda mais destaque nesse outono e inverno, e pode ser percebida na decoração de diversos ambientes.

É preciso deixar à mostra o conceito natural, valorizando as belezas e a cultura oferecida por cada região do mundo. Trazer elementos que remetam essa diversidade traz não somente aconchego, mas, também, personalidade a cada um dos espaços.

3. Cores intensas

As cores chegaram para ficar! Este outono e inverno está cheio de energia e merece ser caracterizado pelo aconchego transmitido pelos tons mais quentes.

Cores intensas e com expressividade representam o conceito Pantone para essas estações, carregando como tendências de decoração o vermelho, bordô, o amarelo queimado e o laranja telha.

A ideia é misturá-las em um mesmo ambiente para que sensações de alegria e bem-estar possam ser percebidas. Vale brincar nos tecidos, nos móveis e até nas paredes, no teto e nas portas da casa!

4. Texturas

E não são só as cores que estão arrojadas e marcantes: as texturas também chegaram com tudo para promover novas combinações entre as tendências de decoração!

Florais, listras, padrões geométricos, rabiscos inusitados, obras de arte – e até mesmo a mistura de todos esses elementos – vão estar em maior destaque nas próximas estações, aguçando os sentidos e destacando ainda mais os ambientes.

Investir nas texturas é uma forma de colocar em prática sua criatividade e trazer mais leveza ao espaço, por isso, uma ótima alternativa para renovar a decoração de seu lar!

5. Conceito vintage

O conceito vintage volta a aparecer nas tendências de decoração do próximo outono e inverno. A aposta é que cada vez mais elementos “desconstruídos” possam fazer parte de uma decoração criativa.

Além disso, o vintage trabalha uma proposta elegante e confortável – simultaneamente. E o mais legal de tudo é que incentiva o reaproveitamento de objetos – que tal pegar um sofá velho da sua avó? Ou um lustre da casa da sua tia? Nada precisa ser descartado, basta saber misturar o “novo” com o “velho”. Essa é (literalmente!) a moda que não sai mais de moda!

6. Espaços híbridos

Em uma sociedade que luta com a falta de tempo e espaço e, cada vez mais, busca a praticidade, o conceito de espaço híbrido vem se destacando entre as tendências de decoração de interiores.

Caracterizados pela multifuncionalidade, esses ambientes permitem ser modificados rapidamente. Uma sala de leitura pode se transformar em um espaço para jantar, um living pode ser repensado em questão de segundos para um escritório de trabalho, e assim por diante. Ao que tudo indica, essa é uma tendência com muito potencial para continuar no mercado, e que tem tudo a ver com a realidade atual!

E então, deu para conhecer um pouquinho do que está vindo por aí nas tendências de decoração? Agora, é só começar a pensar em como aplicá-las na sua casa! Compartilhe a sua experiência de decoração aqui nos comentários e inspire outras pessoas a colocarem sua criatividade em prática! Até a próxima. 

Comentários neste post:

  1. Pingback: Como proteger as plantas da geada? - Plastprime

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *