7 coisas que você deve saber sobre o Paver Plástico

Paver Plástico

O Paver – também conhecido como piso intertravado –  são peças pré-fabricadas, tradicionalmente feitas de concreto, e que são encaixadas umas nas outras, sem necessidade de argamassa ou mão de obra especializada para a sua instalação.

Portanto, o Paver é uma opção ao pavimento asfáltico utilizado principalmente em áreas destinadas à circulação de pedestres. Ele é fácil de colocar e retirar, o que torna possível removê-lo em caso de necessidade de reparo no subsolo – por exemplo, uma tubulação de água – sendo facilmente recolocado após o serviço.

Projetos de pavimentação de calçadas e áreas de circulação de pedestres em geral vêm seguindo cada vez mais a tendência de utilização do Paver. No entanto, o tradicional de concreto tem impacto ambiental considerável e permite o escoamento de água apenas no espaço entre as placas – o que pode comprometer a absorção de água da chuva.

Uma alternativa atrativa nesse caso é o Paver plástico, que é reciclável e permeável. Saiba mais e descubra o porquê ele é uma ótima opção para a sua obra.

Colocação do Paver Plástico

#1 Fácil colocação

A instalação do Paver plástico não necessita de nenhum equipamento complexo, e é feita em cinco etapas simples:

  • Preparação do solo e nivelamento com areia média
  • Montagem e encaixe dos Pavers plásticos
  • Compactação com placa vibrocompactadora
  • Aplicação de camada de areia fina para fazer o rejunte
  • Lavagem para retirar o pó residual

Após essas etapas de aplicação – sem barulho e sem sujeira – o tráfego no local pode ser liberado imediatamente.

#2 A permeabilidade do Paver plástico

Aumentar a permeabilidade de áreas externas em condomínios, residências e áreas públicas é uma questão a qual urbanistas, engenheiros e arquitetos estão constantemente dando atenção. Se uma área não tem permeabilidade, a água da chuva escorre para a rede pluvial – muitas vezes entupida por lixo -, o que pode contribuir para enchentes e alagamentos.

O Paver de concreto já é uma opção que contribui com a permeabilidade da área quando comparado à manta asfáltica, pois, nele, a absorção da água da chuva ocorre na área de junção entre as peças.

Com o Paver plástico, a permeabilidade é ainda maior: ele possui design diferenciado com pequenos furos na superfície, o que garante 11cm2 de área vazada por peça – cerca de 5% de sua área total – garantindo um maior escoamento e evitando a formação de poças.

Calçada com Paver Plástico

#3 Versatilidade

O Paver plástico é extremamente versátil e pode ser usado em qualquer tipo de área de trânsito de pedestres, como calçadas, ciclovias, pistas de caminhada, passeios, praças, áreas de lazer e até mesmo para o estacionamento de veículos leves.

#4 Paver plástico é extremamente leve

Produzido em polipropileno, o Paver plástico é cerca de 30 vezes mais leve do que um de concreto com as mesmas dimensões. Por ser um material mais leve, seu manuseio durante a colocação é facilitado e os custos de transporte são bem menores.

#5 Facilidade de locomoção para deficientes físicos e visuais

O Paver plástico tem superfície de alto atrito, permitindo que deficientes físico e visuais – que são pessoas mais vulneráveis a acidentes em superfícies acidentadas ou escorregadias – circulem em áreas que utilizem o material sem correr o risco de acidentes.

Em caso de chuva, o perigo também é reduzido já que a superfície absorve a água da chuva com facilidade. Tais características também são relevantes para o tráfego de motos e bicicletas.

Paver Plástico feito com reciclagem de caixas longa vida

#6 Sustentabilidade

O Paver plástico da Plastprime pode ser produzido pela reciclagem de embalagens longa vida, fazendo com que a sua obra seja mais sustentável e ecológica. Essa pode, inclusive, ser uma opção interessante se a sua obra busca a certificação LEED – Leadership in Energy and Environmental Design.

#7 Sinalização sem pintura

O Paver plástico é encontrado em diversas cores, assim, pode ser usado para a sinalização de calçadas e estacionamento – indicando, por exemplo, a área de cada vaga de estacionamento – sem a necessidade de pintura.

Por essas razões o material pode ser uma excelente opção para tornar a obra de uma calçada, estacionamento ou pista de corrida muito mais simples, prática e sustentável, garantindo um espaço de boa permeabilidade e ótima aparência.

E então, você já utiliza o Paver plástico nos seus projetos? Ficou com alguma dúvida? Escreva pra gente pelos comentários e até a próxima.

One thought on “7 coisas que você deve saber sobre o Paver Plástico

  1. Pingback: Mitos e verdades sobre o plástico e a sustentabilidade - Plastprime

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eBOOK GRATUITO!

 TELHADO VERDE: COMO E POR QUE FAZER?