Como cuidar de suculentas?

Suculentas

As suculentas são uma variedade de planta que se destaca. Suas cores diversificadas, diferentes texturas e formatos exóticos chamam, mesmo a atenção.

E sabe o que é o melhor de tudo? É super fácil de cuidar de suculentas! Isso mesmo, elas não exigem tanto controle e manutenção. São práticas e, inclusive, resistentes a ambientes críticos – uma opção muito bacana para se ter dentro de casa!

Mas também não pense que só porque é fácil cuidar de suculentas que elas podem ser esquecidas. As plantas precisam de um pouquinho (bem pouquinho mesmo) de dedicação! Por isso, pensando em ajudá-lo nesta tarefa, o post de hoje traz algumas dicas essenciais. Confira!

Suculentas

6 dicas para cuidar de suculentas

1. Local

A sua suculenta precisa de muito sol para sobreviver e, diferentemente da maioria das plantas, a incidência pode (e deve) ser direta. Isso porque esta espécie sobrevive melhor a ambientes secos e quentes, não havendo o risco de ser queimada.

O ideal é que elas fiquem em ambientes externos, propícios para suprir essas necessidades. No entanto, se você deseja ter sua suculenta dento de casa, a dica é que ela fique perto de uma grande janela – assim, conseguindo absorver toda luz necessária para sua sobrevivência.

2. Rega

A rega desta variedade tende a ser bem espaçada, uma vez que as suculentas têm baixíssima necessidade de água. Além disso, suas flores costumam armazenar água por bastante tempo, gerando uma reserva e diminuindo ainda mais a necessidade de reforço.

Claro, é preciso considerar que a frequência pode variar conforme o ambiente em que ela se encontra, a temperatura a qual está exposta, seu tamanho, etc. Como “regrinha” você pode usar a análise do solo: a dica é que você regue apenas quando a terra estiver completamente seca.

Cuidados com Suculenta

3. Substrato

A verdade é que um bom substrato é que vai dar partida a uma suculenta bonita e saudável. Isso porque este deve se basear, principalmente, em um fator: a drenagem.

No caso desta espécie, o armazenamento de água pode comprometer definitivamente a sua saúde. Por isso, o ideal é que seja desenvolvido um composto de terra adubada, areia e pedras – organizado nesta ordem e com a presença na mesma proporção.

4. Vaso

O vaso escolhido para o plantio precisa estar adequando às necessidades da sua suculenta. Como vimos, deve ser utilizado um bom substrato, que possibilite a drenagem. Pensando neste ponto, fica importante considerar o material do vaso e a presença de um furo de drenagem. Este último é essencial para impedir o armazenamento indesejado de água, que pode causar o apodrecimento da planta.

Cuidados com suculentas

5. Adubação

A adubação é bastante eficaz para o desenvolvimento de uma suculenta, por isso, pode ser incluso no seu calendário de cuidados.

Para tanto, você pode utilizar, principalmente, húmus de minhoca e compostos orgânicos. Se desejar, pode, ainda, buscar por opções específicas para a espécie – o mercado está sempre cheio de novidades e com alternativas cada vez mais eficientes. Acredite, esse é o tipo de manutenção que faz toda a diferença!

6. Poda

Esta é mais uma manutenção que se faz necessária, seja lá qual for a espécie de planta. No caso das suculentas, não há muito trabalho em torno disso – são só algumas situações pontuais.

Arranque uma ou outra folhinha seca que identificar na sua suculenta, ou alguma que esteja prestes a morrer. Isto basta para que a saúde dela seja mantida.

Viu só? É muito fácil cuidar de suculentas! Agora, você não tem mais desculpas para não ter as suas. Com essas dicas, elas permanecerão sempre bonitas e saudáveis, trazendo ainda mais beleza aos seus ambientes. Acredite!

Você ficou com alguma dúvida sobre como cuidar de suculentas? Deixe sua mensagem nos comentários e nos vemos na próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *