Como cultivar o tomilho: do plantio à poda

Cultivo de tomilho

Chegou a hora de ficar com água na boca pensando nas receitas do final de semana! Isso porque o post de hoje falará um pouco mais sobre como cultivar o tomilho: uma especiaria bastante utilizada, especialmente, na cozinha dos brasileiros.

Mas se você acha que essa é a única propriedade do tomilho, está enganado! Ele também tem destaque nos jardins e pode ser usado, inclusive, como uma planta medicinal. Acompanhe o post de hoje e descubra todos os segredos sobre o tomilho.

As características do tomilho

O tomilho é uma planta característica das hortas caseiras, e é utilizado tanto para a jardinagem quanto para fins medicinais e culinários. Trata-se de uma espécie muito bonita, que deixa qualquer plantação mais alegre, perfumada e cheia de vida – o que muito se deve às belas flores rosadas que desabrocham, principalmente, no período da primavera.

Ao que se refere à sua utilização culinária, é uma especiaria saborosa, utilizada como tempero na elaboração de diferentes pratos. O tomilho também possui propriedades terapêuticas, auxiliando na digestão e nas atividades antibacterianas, e é antioxidante, além de atuar no combate à ansiedade.

Dicas para cultivar o tomilho

Preparação do solo para plantio

1. Preparação do solo

O primeiro passo para cultivar o tomilho é a preparação do solo. Escolha um local plano e com boa incidência solar, pois esta variedade sobrevive melhor e, ambientes mais secos e quentes.

Se você deseja ter mais efetividade ao cultivar o tomilho, opte por fazê-lo no início da primavera, que é o período em que há maior tendência de crescimento. Apesar dessa preferência, fique tranquilo, pois não há nenhuma dificuldade no cultivo dessa erva. Ela é bastante resistente e perene, de fácil adaptação a qualquer ambiente!

Mudas de tomilho

2. Plantio

O plantio pode ser feito de duas formas: por meio de sementes ou pequenas mudas. A primeira opção é menos indicada, já que o cultivo é mais difícil devido à germinação lenta e irregular. O ideal é realizá-lo a partir de uma muda, que pode ser facilmente adquirida em casas especializadas.

Para que possam se desenvolver bem, o ideal é plantar as mudas com uma distância de 20 a 30 cm entre elas, atentando para a boa drenagem do solo.

Adubação

3. Manutenção

Para que sua muda se desenvolva com saúde, alguns cuidados são essenciais. No início – nas primeiras três semanas – o solo precisa ser mantido mais úmido.

Outro ponto a ser considerado para cultivar o tomilho é a adubação, que deve ser realizada a cada 40 dias com o uso de substrato orgânico. Não deixe, também, de ficar atenta ao controle de pragas. Vira e mexe, elas voltam a incomodar, portanto, precisam ser combatidas: o uso de inseticidas naturais, que não prejudicam a saúde da planta, é o mais indicado.

Poda Tomilho

4. Colheita e poda

A colheita pode começar muito antes do que você imagina! Dentro de 15 dias, o seu tomilho já vai ter crescido o suficiente para que você comece a colher seus primeiros raminhos.

Para retirá-los, conte com a ajuda de uma tesoura específica (não os arranque nem retire as folhinhas, pois isto acaba prejudicando a sua muda!).

Ainda, sempre que possível, realize a poda do seu arbusto – pois ela estimulará ainda mais o crescimento do tomilho. Só tome cuidado: mantenha o crescimento de, pelo menos, 5 cm, para não desestabilizar suas propriedades.

Não restaram dúvidas, não é? A plantação de tomilho é a escolha perfeita para deixar o seu jardim ainda mais bonito! Siga nossas dicas e comece logo o cultivo dessa erva aromática. Em breve, você já estará usufruindo de todos os seus benefícios!

E, então, ficou com alguma dúvida sobre como cultivar o tomilho? Se sim, não deixe de compartilhá-la com a gente nos comentários e se estiver em busca de um vaso ideal para o seu jardim, conte com os produtos da Isto!. Nos vemos na próxima!

Comentários neste post:

  1. Jo reis disse:

    Oiii com relação a água, como é de quanto em quanto tempo devo molhar, e se ela gosta de ficar no sol Mais, ou na sombra, tive uma mas morreu fiquei sem saber pq

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *