Cuidando da saúde com plantas!

Você sabia que, além da beleza exuberante e do perfume encantador, as plantas apresentam propriedades importantes para a nossa saúde? Isso mesmo, elas podem ser utilizadas de forma inteligente pelo nosso corpo, sendo fonte de bem-estar e de melhorias para nosso organismo.

As chamadas plantas medicinais têm atuação importante para o tratamento de enfermidades e fraquezas do organismo, podendo ser combinadas a outros recursos terapêuticos mais tradicionais para otimizar resultados.

Então, que tal saber mais sobre esse assunto? Neste artigo, conheça alguns exemplos de plantas medicinais e compreenda como elas podem ajudar na manutenção da saúde. Acompanhe.

10 plantas que podem ajudar nos cuidados com a saúde

1. Agrião

O agrião tem princípios ativos muito interessantes, que ajudam no combate a dores de cabeça, problemas de memória e baixa imunidade. É uma variedade que pode ser utilizada, também, como calmante em regiões que sofreram hematomas e contusões – por meio de compressas locais.

2. Coentro

Ainda que o coentro não seja uma das grandes referências entre as plantas medicinais, vale destacar sua importância para o bom funcionamento do organismo. Essa especiaria pode ser utilizada para controle digestivo e alívio de dores intestinais. É, ainda, aplicado como recurso complementar para o controle da ansiedade.

3. Alho

O alho é fonte de muitas vitaminas e minerais – como iodo e o enxofre -, ajudando a melhorar a imunidade. É também um forte expectorante e antisséptico, que pode ser incluído facilmente na rotina alimentar. E o mais interessante: estudos comprovam que o alho também tem atuação anticancerígena!

4. Carqueja

A carqueja, geralmente consumida via chás, pode ser uma excelente aliada de sua saúde e de seu bem-estar. Isso porque essa planta apresenta efeito importante para o processo de digestão do organismo, aliviando cólicas e inchaço. Pode ser uma boa opção para os diabéticos, já que a carqueja tem propriedades que ajudam a reduzir a taxa de açúcar no sangue.

5. Erva-cidreira

A erva-cidreira é outro bom exemplo de planta medicinal que pode ser facilmente inclusa nas rotinas. Também consumida por meio de chás, ela tem atuação calmante e relaxante. Possui aplicação importante para o alívio de gases e cólicas.

6. Babosa

A babosa tem propriedades muito benéficas para a saúde, o que justifica a presença constante dessa espécie nas hortas e nos jardins caseiros. Por meio da extração do seu líquido, ela ajuda no tratamento de queimaduras e inflamações. Isso porque ela tem ação anti-séptica e ajuda a curar feridas.

7. Arnica

Usar a arnica para o alívio de “roxos” e hematomas é uma aposta bastante inteligente, já que ela ajuda a reduzir as dores e manchas provenientes desses problemas. Ela também é uma boa aliada para o tratamento de doenças de pele, tais como acnes e furúnculos.

8. Guaco

O guaco atua como aliado na prevenção a doenças e problemas respiratórios – como tosse, bronquite, asma, etc -, já que ajuda na dilatação das vias aéreas, facilitando a troca do ar. O guaco também pode trazer benefícios cicatrizantes, atuando junto a úlceras e feridas.

9. Camomila

A camomila pode apresentar efeito anti-inflamatório, facilitando a digestão, eliminando a produção de gases e reduzindo as ocorrências de cólicas. Ainda, ela é popularmente conhecida como um calmante natural.

10. Alcachofra

As propriedades da alcachofra incluem a recomposição dos sais minerais no organismo, ajudando na vitalidade e no seu bom funcionamento. É uma referência para o fígado, já que atua junto a esse com foco antioxidante.

O uso de plantas medicinais é muito recomendado para ajudar no tratamento de debilidades do organismo, já que elas atua de forma natural sobre os problemas. Assim, essa aplicação ajuda no tratamento de enfermidades sem causar agressões à saúde como um todo. Portanto, aposte no uso das plantas medicinais na sua rotina e garanta ainda mais bem-estar e qualidade de vida para você e sua família!

Você já conhecia o poder das plantas que apresentamos aqui? Tem alguma outra dica sobre o assunto? Deixe sua mensagem nos comentários e não deixe de conferir também nosso artigo sobre as plantas cosméticas e sua aplicação para finalidades estéticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *