O que é preciso para construir um deck?

Antigamente, a palavra deck se referia às partes de navios e ambientes náuticos. Hoje, ela é uma solução extremamente valorizada para dar mais vida e levar elementos da natureza para um ambiente.

Os decks podem ser compostos de porcelanato, piso cimentício e plástico, mas o material original é a madeira que, por ser quente, traz aconchego e conforto para um ambiente – principalmente em áreas com azulejos, pisos de porcelanato ou que utilizam cores frias.

Construir um deck pode aumentar tanto a valorização da sua casa como proporcionar momentos agradáveis, uma vez que, nele, você pode receber amigos ou curtir a beleza da natureza.

O deck – que é utilizado em áreas externas e, principalmente, de lazer – está presente em diferentes áreas das casas: piscinas, churrasqueiras, varandas ou mezaninos. De PVC ou madeira, o piso é um item de decoração. Para escolher o melhor material, no entanto, é preciso avaliar os prós e contras de cada um.

Nesse sentido, construir um deck requer trabalho e planejamento, e seguindo os passos corretos, essa estrutura vai poder ser aproveitada por anos.

Manutenção de deck de madeira

Cuidados ao construir um deck

1 – Conheça as normas locais para construir um deck

O tamanho da sua casa terá um grande impacto no quão largo essa estrutura vai pode ser, assim como no formato dela. Em muitos casos, seu deck também terá que suportar uma carga maior que os pisos da sua casa. Outro ponto de atenção é que a apólice de seguro residencial pode não cobrir um acidente que ocorra no seu deck se você não o construir de acordo com as normas regionais.

2 – Obtenha todas as permissões necessárias

Verifique com o poder público local se há necessidade de uma permissão antes de construir um deck, assim como qualquer inspeção durante a construção.

3 – Saiba a profundidade necessária para o alicerce

Essa é a profundidade necessária na sua localização para que o alicerce fique sobre terra firme e não perca o suporte da construção durante o período de chuvas e encharcamento do solo. Algumas normas de construção exigem que, ao construir um deck, as colunas de sustentação estejam afundadas até determinada profundidade.

Mesmo que não seja obrigatório, afunde-as até a terra firme para evitar que o deck entorte com o afofamento da terra quando o solo estiver encharcado.

Deck anexo a casa

4 – Decida o tamanho, estilo e localização do seu deck

Ele pode ser livre ou anexo à casa. Embora algumas normas de construção possam ser mais flexíveis para decks soltos, muitas pessoas acham mais conveniente fazê-los presos à casa.

O tamanho do seu deck determinará o número de sapatas e colunas que necessárias para sustentar as vigas e tábuas, assim como o tamanho e espaçamento entres elas.  A altura que você construir um deck determinará se vai precisar incluir gradil, colunas e degraus.

Fazer um desenho preliminar do que você tem em mente irá ajudá-lo a listar materiais e ferramentas de construção.

5 – Escolha quais materiais usar para construir um deck

Há uma variedade de madeiras e materiais com os quais se pode construir um deck. Os materiais para as tábuas variam de Ipê tropical e plástico até os mais tradicionais: sequoia, cedro ou pinus.

A estrutura, colunas e suportes, no entanto, devem ser de madeira tratada sob pressão ou, então, de madeira resistente a desgastes, como demandado por normas de construção.

Deck Modular

Essa é a forma mais prática de construir um deck. Com um sistema de encaixe do tipo “macho-fêmea” feito por uma estrutura de borracha que traz versatilidade para o ambiente, um deck modular tem simples instalação.

Além disso, não é necessário gastar com profissionais para montar o deck e nem haverá necessidade de pregar a madeira para fixá-las. Esses fatores ainda diminuem significativamente o custo total da estrutura.

O uso desse tipo de deck é mais recomendado para áreas externas, como em jardins e piscinas. Por conta disso, é imprescindível fazer a impermeabilização da madeira para que não sofra com a exposição ao sol e umidade.

Deck Modular Plastico da PlastPrime

Plastprime – Deck Modular Plástico Ecologicamente Correto

Desenvolvido aliando tendências de design e sustentabilidade, a base do produto é produzida em PEAD, e as ripas são feitas com PPTP (plástico proveniente da reciclagem das caixas longa vida).

Isto representa um duplo ganho para a sustentabilidade, pois, além de ser reciclável, a estrutura consegue reutilizar um material de difícil reciclagem – tudo isso sem comprometer a qualidade do material, que oferece ótima resistência a tráfego, efeitos solares, maresia e umidade.

Além de ser mais barato do que o de madeira, o deck modular plástico não apodrece, não racha, não empena e não solta farpas, o que garante uma vida útil longa ao produto.

E então, ficou com alguma dúvida sobre o que é preciso para construir um deck? Escreva pra gente pelos comentários e até a próxima. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *