Ícone do site Plastprime

Como escolher o piso ideal para área externa

Toda área externa tem características que merecem sua atenção: do espaço para descanso durante o expediente ao local no qual as crianças e os animais domésticos brincam. É por isso que o planejamento de sua construção, ou de sua reforma, merece cuidado, pois é o tipo de ação que vai durar por bastante tempo.

Em um escritório, por exemplo, a área externa é a responsável pelos momentos de respiro, onde os colaboradores vão, após o almoço, para conversar e tomar um ar. Em confraternizações, costuma ser o espaço no qual há grande movimento, justamente por trazer essa visão mais ampla, e menos claustrofóbica, da rotina de trabalho.

Por sua vez, em uma residência a área externa é tão importante quanto a saúde de quem vive por ali. Então, para te ajudar a escolher qual é o piso ideal para esses locais, vamos te ajudar com algumas sugestões que começam, literalmente, por baixo: como escolher o piso ideal para área externa.

Comece pela designação do espaço e vá adiante

O primeiro aspecto que você precisa avaliar em um espaço é a qualidade. Como será o tempo utilizado no local, e o que você pode fazer para torná-lo mais interessante. Isso vai te dizer, por exemplo, onde inserir um piso permeável, ou incluir os decks modulares no entorno de uma piscina ou até mesmo área de convivência.

Ao designar o espaço de acordo com o seu propósito, você poderá, inclusive, integrá-lo a mais de uma utilidade: jardim, espaço para churrasqueira, local de descanso e recreação. Ou área verde, armazenamento de carga, embarque e desembarque. Viu como se encaixa em diferentes situações?

Qual é o tipo de área que pretende construir ou reformar?

Aqui entra o segundo aspecto: a personalidade da área externa e o que fará com ela. Seja uma construção ou uma reforma. Este é o próximo passo após a designação, pois aqui envolve muito mais o planejamento com os demais itens, como a divisão entre o que é área de plantio, na qual você pode deixar suas bordas com o piso permeável com as alvéolos (modelo Plastfloor), excelente forma de levar o meio ambiente a toda a área externa sem, com isso, prejudicar o solo.

Ao definir qual será o tipo de área, vem à escolha do piso em si, então, é preciso ter em mente que os dois primeiros passos são fundamentais, e que eles precisam ser feitos com tempo antes da construção ou reforma.

Dito isso, a partir de agora você vai à escolha do piso.

O modelo de piso influencia diretamente a convivência

Qual é o tipo de piso que a área externa precisa, agora que você definiu alguns dos principais pontos? Um deck modular plástico, resistente e belo, com durabilidade imensa? Uma estrutura plástica permeável, perfeita para o escoamento de água em locais de recreação e entretenimento, sem danificar o solo? Aliás, este é um modelo que merece a sua atenção, pois traz outras tantas possibilidades, incluindo o fato de ser usada em telhados verdes.

Seja qual for a opção que decidiu, lembre-se de integrá-las para melhor aproveitamento do espaço, pois, a partir disso, o modelo de piso influenciará diretamente a convivência no local. Há quem prefira descansar após o almoço, ou desfrutar de uma bela tarde de sol batendo papo. Viu?

Pense em características como a frequência e o peso aplicado sobre ele, as cores e texturas que estarão ao seu redor.

Com tudo definido, é a hora de tirar o projeto do papel

Para definir qual é o melhor piso para a área externa, você encontrou alguns passos importantes neste artigo. A partir deles, então, você conseguirá:

E aí, já sabe qual é o piso ideal para sua área? Solicite agora mesmo seu orçamento!

Sair da versão mobile