Por que optar por alimentos orgânicos no seu dia a dia?

Provavelmente, você já deve ter ouvido falar sobre os alimentos orgânicos, não é mesmo? Cada vez mais eles começam a aparecer no comércio e tomar conta dos programas de televisão e sites relacionados à saúde e ao bem-estar.

Mas você sabe por que essa prática está tão na moda? A verdade é que as pessoas estão se conscientizando sobre questões relacionadas à sustentabilidade e percebendo a importância de cuidar de sua alimentação e saúde.

Por isso, no post de hoje, listamos algumas razões pelas quais você deve começar a consumir (e quem sabe até a produzir!) alimentos orgânicos. Confira!

Alface Orgânico

1. O valor nutritivo dos alimentos orgânicos

A produção orgânica garante alimentos mais saudáveis, já que, na plantação, não é feita a utilização de produtos químicos, tais como pesticidas e agrotóxicos – prejudiciais ao solo e aos seres humanos.

Nos alimentos orgânicos, são utilizados apenas adubos naturais, livres de quaisquer substâncias químicas! A composição nutricional presente nesses alimentos é relativamente maior quando comparada aos demais disponíveis no mercado. Por isso, eles são os queridinhos de quem está buscando mais qualidade de vida e melhorar a sua saúde.

2. O sabor dos produtos

Além de todos os benefícios em relação à saúde, vale destacar que o gosto dos alimentos obtidos via produção orgânica é diferenciado.

Produzidos sem o uso de substâncias tóxicas (que tendem a alterar as propriedades naturais dos alimentos), os produtos orgânicos são sinônimo de qualidade, também, por preservarem as características naturais das frutas, verduras ou dos legumes. O sabor e o aroma que você sentirá ao ter contato com esses produtos é o do próprio alimento!

3. A durabilidade dos produtos

Nesse método de produção, percebe-se que há melhor resistência dos produtos em relação ao ambiente. Ou seja, a durabilidade das frutas e dos legumes produzidos de forma orgânica é maior do que a percebida nas plantações convencionais.

Isso acontece porque eles tendem a ter menor quantidade de água em sua composição, diminuindo as chances de proliferação de bactérias – mas, claro, é preciso manter as condições de cuidado e armazenamento para garantir a boa durabilidade.

Rega de alimentos orgânicos

4. A certificação de qualidade dos alimentos orgânicos

As produções orgânicas seguem determinadas regras de cultivo, a fim de que o produto final esteja dentro do padrão de qualidade esperado. Dentre estas normas, destacam-se as condições de desenvolvimento, a preservação dos recursos naturais, bem como prescrições dos produtos ou substâncias utilizadas para a plantação.

Existe um controle bastante rígido, e qualquer prática fora do padrão impossibilita a aquisição do Selo de Certificação – emitido por órgãos independentes que avaliam e fiscalizam a produção dos alimentos.

5. Os benefícios ao meio ambiente

Não é só à saúde dos seres humanos que a produção orgânica está atrelada: essa é uma alternativa sustentável que também protege o meio ambiente.

Isto porque o tipo de produção prevê a manutenção do solo e a valorização dos recursos naturais. Pela dinâmica de cultivo, o solo se mantém fértil e a qualidade de água fica protegida.

Agricultura

9. O incentivo aos pequenos agricultores

Consumir alimentos orgânicos é, também, uma maneira de incentivar a atividade de pequenos agricultores, que trabalham de forma independente e com foco na qualidade dos produtos.

Quem consome alimentos orgânicos valoriza os pequenos negócios e o comércio justo de produtos.

10. A praticidade da produção em casa

Além de comprar no mercado, você também pode cultivar seus próprios alimentos orgânicos! Quem sabe uma hortinha orgânica?

Produzir seus alimentos em casa e ter sua própria horta é muito mais simples do que se pensa, e é uma prática que agregará mais saúde e qualidade de vida para você e sua família.

E então, pronta para aderir a esse movimento e inserir os alimentos orgânicos em sua rotina alimentar? Conte sua experiência nos comentários e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *