fbpx

Economia circular: você conhece esse conceito?

Nosso planeta funciona de maneira cíclica. Todo resíduo gerado por seres humanos ou animais permanecem nele. A maioria destes rejeitos demoram centenas, e até milhares de anos, para se decomporem. Felizmente, há o potencial de serem transformados em novos produtos, quando não compostáveis ou infectados. Isso acaba gerando um nicho econômico próspero para empresas, indústrias e consumidores. A partir deste contexto, vamos conhecer o conceito de economia circular e os benefícios de implementar esta ideia.

Conhecendo o conceito de economia circular

Economia Circular é um conceito estratégico que assenta na redução, reutilização, recuperação e reciclagem de materiais e energia (MONTEIRO, 2018). Esta concepção está em ascensão devido ao estilo de vida que vivemos, ao crescimento populacional, e a grande exploração dos recursos naturais e finitos. Estamos criando a consciência de que o modo como vivemos é destrutivo, o que nos força a tomarmos medidas mais sustentáveis. Uma destas vertentes é a criação deste novo seguimento econômico.

Este modelo de economia circular é uma alternativa eficiente para minimizar o consumo de novos materiais e suas perdas de energia, regenerando o  “capital natural”. Sua implementação funciona da seguinte forma:

Recursos naturais (matéria prima primária) ⇒ transformação em produtos a partir da industrialização ⇒ distribuição para consumo humano ⇒ uso, reuso, reparação e descarte correto ⇒ geração de resíduos sólidos ⇒ coleta e separação para a reciclagem ⇒ transformação de resíduos sólidos em matéria prima secundária ou compostagem da matéria orgânica ⇒ retorno para a indústria  ⇒ transformação em produtos ⇒ distribuição aos consumidores novamente.

Neste sistema também estão inclusos de forma cíclica os resíduos sólidos das indústrias – ou seja, provenientes da fabricação de produtos. Estes são também coletados e separados para a reciclagem e utilizados para a fabricação de novos insumos.

Benefícios de estratégias de economia circular

Na economia circular, em vez do sistema linear de produção, visa-se um retorno regenerativo, que transforma nosso “lixo” em capital. Essa prática, além de ser lucrativa para o bolso e o meio ambiente, apresenta inúmeros benefícios. Confira alguns deles:

  • A aplicação da estratégia de economia circular gera engajamento com a sociedade e o produtor – empresas criam novas relações com o cliente através de programas de retorno de embalagens, oferecendo descontos nos produtos;
  • São desenvolvidas novas tecnologias e inovação;
  • É gerado um novo nicho competitivo econômico – first mover advantages;
  • Visibilidade e conscientização da população para participar de práticas sustentáveis – redução, reutilização e reciclagem;
  • Conservação do capital natural, diminuindo a produção de emissões de poluentes e resíduos;
  • Mantimento do valor acrescentado nos produtos pelo maior tempo possível;
  • Criação de novos empregos no setor de gestão de resíduos;
  • Redução das emissões anuais totais de gases de efeito de estufa.

A PlastPrime é uma empresa que busca o equilíbrio com o meio ambiente, de forma sustentável. Criando soluções voltadas para a economia circular – como o uso da reciclagem do plástico de caixinhas longa vida para a criação de alguns de nossos produtos. Conheça o nosso Deck Modular, que além de ser reciclável, reutiliza esse material de difícil reciclagem.

Você pode participar ativamente dessa ideia! Como? Busque sempre se informar sobre o destino do seu resíduo e o que fazer para minimizá-lo. Pesquise quais empresas estão comprometidas a desenvolver a ideia de economia circular e, principalmente, recicle e composte seus rejeitos. 

Conte-nos nos comentários o que achou deste novo conceito. Vamos aplicá-lo juntos? 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *