Tendências de paisagismo para 2020!

Um novo ano está se aproximando e com ele novas tendências de paisagismo. Para 2020, veremos uma valorização ainda maior dos espaços verdes e um uso ainda mais versátil e de cunho sustentável para as soluções paisagísticas das grandes cidades.

Que tal saber mais sobre o que estará em alta nesse novo ciclo? Para isso, confira o apanhado de tendências de paisagismo que preparamos no artigo de hoje!

1. Jardins verticais são tendências de paisagismo

O Pinterest, anualmente, realiza um relatório sobre tendências baseado nas buscas feitas no aplicativo. Conforme esse levantamento, a procura por jardins verticais cresceu 287% no último ano. E, para 2020, essa tendência deve permanecer em alta.

A verdade é que os jardins verticais são muito práticos, adaptáveis a diferentes tipos e tamanhos de ambientes e trazem um charme sem igual tanto para áreas internas quanto externas. 

Eles são um importante recurso para quem vive nas grandes cidades se aproximar do verde e de seus benefícios. 

E entre as tendências de paisagismo envolvendo os jardins verticais está o uso de espécies de formatos e cores variadas, que vão além do verde mais tradicional.

2.Urban jungle 

Alinhado ao conceito que está cada vez mais em alta de biofilia (amor à natureza que nos faz, de modo espontâneo, voltarmos a nossa atenção às coisas vivas) está a urban jungle.

Essa “selva/floresta urbana” diz respeito a uma tendência de paisagismo interno que ajuda a resgatar o verde em meio ao cinza das metrópoles, a se aproveitar todos os espaços possíveis da casa para enchê-los de plantas, que passam a ser a base da decoração

3. Telhado verde

Como estamos vendo, muitas das tendências de paisagismo para 2020 estão relacionadas a problemas e limitações características desse momento, apresentando possibilidades para amenizarmos os efeitos nocivos disso.

Nesse contexto, o telhado verde é uma das grandes apostas, já que ajuda a trazer benefícios valiosos tanto para as pessoas quanto para o meio ambiente. Por exemplo, ele ajuda a amenizar a temperatura nas edificações, a melhorar o microclima do entorno, pode servir de abrigo a animais, favorece a redução de ilhas de calor, entre outros.

Ainda, quando utilizam  pisos permeáveis, eles ajudam a evitar enchentes próximo à edificação, já que a água da chuva passa a ser absorvida em boa medida pelas plantas do telhado. 

4. Xeropaisagismo

Essa tendência está associada ao ritmo de vida mais acelerado que, por vezes, não nos permite termos todo o tempo que gostaríamos para cuidar de nossas plantinhas. Em linhas gerais, trata-se do cultivo de plantas xerófitas, que são facilmente adaptáveis, demandam pouca rega e que são bastante resistentes a doenças e a ambientes hostis. Entre essas variedades, podemos destacar cactos, pata-de-elefante, agave, dracena, entre outras.

5. PANCS

Já falamos aqui no blog sobre o sucesso das PANCS. As chamadas Plantas Comestíveis Não Convencionais devem aumentar sua participação nos projetos paisagísticos em 2020. 

Isso porque há uma parcela crescente da população também preocupada em adotar uma alimentação mais saudável. Nesse sentido, as hortas caseiras e o cultivo de variedades como as PANCS ajudam em tal objetivo enquanto, ainda, ornamentam lindamente ambientes.

6. Uso de materiais naturais e sustentáveis e peças DIY

Entre as tendências de paisagismo para o próximo ano também se destaca o uso de mobiliários e adereços naturais para compor ambientes mais aconchegantes e intimistas. Nessa tendência, jardins passam a ser integrados ao projeto da casa, sendo vistos como uma extensão reconfortante do lar.

Assim, madeira natural de fontes certificadas, produtos plásticos feitos a partir de insumos sustentáveis (como o PPTP – polipropileno com reciclável longa vida), estofados com tecidos ecológicos, pedras, bambu, entre outros, ajudam a criar um espaço de aspecto mais relaxante, charmoso e sustentável.

7. Plantas pendentes

A verticalização é uma tendência que veio para ficar e que impacta também no paisagismo. Com ambientes internos e externos cada vez mais enxutos, o uso das paredes e do teto torna-se uma opção viável para otimizar e decorar espaços.

Nesse sentido, além dos jardins verticais, as plantas pendentes também devem receber mais atenção nos projetos paisagísticos. Elas criam um efeito deslumbrante em áreas com pergolados e podem ajudar a desenvolver um paisagismo todo especial para varandas e paredes verdes.

O que você achou dessas tendências de paisagismo para 2020? Pretende aderir a alguma dessas ideias? Deixe sua mensagem nos comentários!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *